06
Jan
21

O Sal da Língua sugere… Poesia em Eugénio

“A Fundação INATEL apresenta o espetáculo POESIA EM EUGÉNIO, dia 16 de janeiro 2021, sábado, no Fundão, Auditório A Moagem. O Espetáculo tem duas sessões, às 16h e às 21h, de entrada livre , com reserva obrigatória para os seguintes contactos: 210027150 ou cultura@inatel.pt . Os lugares estão sujeitos à limitação do espaço e as reservas serão realizadas por ordem de entrada no serviços, nos dias úteis das 9h00 às 18h00.

O espetáculo POESIA EM EUGÉNIO, promovido pela Fundação INATEL e Câmara Municipal do Fundão, consagra a vida e obra do escritor e poeta, no território que o viu nascer. Com encenação e direção artística de Rui Sérgio esta elegia ao Poeta integra a leitura do Manifesto pela Poesia – “Matéria de Sonhos”, um inédito do escritor Fernando Paulouro Neves, que será lido pela atriz Ângela Pinto. No espetáculo participam, ainda, Pedro Górgia, Bruno Schiappa, Miguel Carvalhinho, Alcina Cerdeira, Arnandina Loureiro, Fado ao Centro, Rui Oliveira, Grupo de Teatro Histérico do Fundão, Bombos de Lavacolhos e os alunos da EB1 das Atalaias e utentes do CAS da Póvoa de Atalaka”.



"Poupar o coração é permitir à morte coroar-se de alegria." Eugénio de Andrade
Janeiro 2021
S T Q Q S S D
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728293031
“Sobre Eugénio sobra-me em emoção e lágrimas o que escasseia em palavras. Não há claridade que te descreva, meu querido Eugénio. És o meu poeta de ontem e de sempre. Mantinha um desejo secreto de te conhecer um dia, passar uma tarde contigo de manta nas pernas a afagar os gatos que tanto amavas. Em silêncio, sim, pois sempre foi em silêncio que me disseste tudo ao longo destes anos todos em que devorei as tuas palavras. Tu não poupaste o coração e por isso viverás sempre. Não há morte que resista a isso.” Raquel Agra (13/06/2005)

Blog Stats

  • 187.911 hits

%d bloggers like this: